sábado, 6 de setembro de 2008

Livro conta a história da guerra entre ABBA e Stikkan

A guerra entre ABBA e Stikkan Anderson - A verdade por trás do conflito que dividiu ABBA é revelada em um novo livro.

O empresário da banda Anderson vendeu os direitos das canções do ABBA contra os desejos do grupo. A filha de Stikkan Anderson, Marie Ledin, diz a verdade sobre os problemas em um novo livro sobre o pai.

Em 1989, Anderson começou a pensar na oferta feita pela empresa discográfica multinacional Polygram. Eles queriam comprar sua companhia Sweden Music com os direitos de todas as canções do ABBA. O preço - 189 milhões de coroas. Anderson não podia recusar tal soma.

Ele era o único proprietário desde que Benny Andersson e Björn Ulvaeus venderam sua parte. Mas Benny Andersson era contra, não querendo permitir que o catálogo de canções fosse para as mãos de uma empresa estrangeira e disse que queria comprar o catálogo.

Ao mesmo tempo, Benny encontrou um antigo contrato onde foi mostrado que Anderson não tinha pago os royalties suficientes para o ABBA ao longo dos anos. Stikkan alegou que se tratava de uma má interpretação (e que o contrato foi referindo-se ao pressuposto de que a ABBA iria gravar um novo álbum, o que nunca aconteceu). Björn e Benny decidiram levar seu velho amigo para o tribunal. Isto impediu à última hora da Polygram dar aos quatro membros da banda cinco milhões de euros.

A informação foi retirada do livro "Meu pai é chamado Stikkan" (Anderson Pocket) onde Marie Ledin fala sobre o seu pai à jornalista Petter Karlsson.

2 comments:

Hamlet disse...

Muito bom esta informação sobre o livro. Bem eu sou um tanto esquisito em ler biografias de pessoas familiares, principalemnte conjugues ou filhos, de alguma maneira pode ser tendenciosa para a visão da pessoa que escreve. Assim como acontece com auto biografias, o que de certa forma ainda leva meu crédito maior, todavia é interessante saber de q ponto de vista a moça irá falar, provavelmente do dela, como filha, e dependendo de sua relação com o pai e sentimentos que tinha e guarda em sua memória, poderá haver muita coisa interesssante e até mesmo verdadeira,mas... veremos!

Tony disse...

Meu amigo, adorei essa reportagem sobre o livro e algumas curiosidades que eu não sabia mesmo. Abração!

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...